Cadastre-se:
logo unicamp e IE
borda

2008–2009: Perspectivas da indústria financeira brasileira e o papel dos bancos públicos

Situação: concluído em novembro 2009

Financiador: Este projeto foi executado com o apoio financeiro do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), por meio de financiamento não reembolsável com recursos do Fundo de Estruturação de Projetos do BNDES (FEP). O conteúdo dos estudos e pesquisas é de exclusiva responsabilidade dos autores, não refletindo, necessariamente, a opinião do BNDES. Para maiores informações sobre essa modalidade de financiamento, acesse o site http://www.bndes.gov.br/programas/outros/fep.asp.



Descrição: O projeto de estudos sobre as Perspectivas da Indústria Financeira Brasileira e o Papel dos Bancos Públicos tem como objetivos: (i) analisar as transformações recentes no sistema financeiro brasileiro, nos mercados de crédito e de capitais, e no padrão de financiamento das empresas não-financeiras, e; (ii) delinear proposições sobre ações de política financeira voltadas para o aprofundamento do mercado privado de financiamento de longo prazo às empresas, bem como sobre o papel futuro dos bancos públicos. O trabalho de investigação se centrará em duas tarefas principais. Em primeiro lugar, na descrição e avaliação da operação do sistema financeiro brasileiro, a partir do conhecimento da oferta e demanda por recursos, das instituições nele operantes, das suas regras de operação e da importância de cada mercado específico e de seus canais de interação com outros segmentos deste sistema. Em segundo lugar, na investigação do modo de inserção e da intensidade de participação dos bancos públicos nesses segmentos e suas perspectivas para o médio e longo prazo.

EQUIPE DA PESQUISA
Coordenadores Gerais
Ricardo de Medeiros Carneiro (IE/UNICAMP)
Fernando Cardim de Carvalho (IE/UFRJ)
Coordenadores Adjuntos
Daniela Magalhães Prates (IE/Unicamp)
Jennifer Hermann (IE/UFRJ).

Subprojeto I Padrões de financiamento das empresas não-financeiras no Brasil
Coordenador: Júlio Sergio Gomes de Almeida (IE/Unicamp)
Pesquisadores Seniores: Cláudio Jacob (Bovespa)
Marcos Antônio de Macedo e Cintra (IPEA)
Pesquisadores Juniores: Juliana de Paula (doutoranda do IE/UNICAMP)

Subprojeto II. Mercado de crédito bancário
Coordenador: Daniela Magalhães Prates (IE/Unicamp)
Pesquisadores Seniores: André Martins Biancareli (IE/Unicamp)
Maria Cristina Penido de Freitas (Consultora)
Maryse Farhi (IE/Unicamp)
Pesquisadores Juniores: Ana Luiza Lodi (mestranda do IE/UNICAMP)
Letícia Aguiar (mestranda do IE/UNICAMP)
Pedro Rossi (doutorando do IE/UNICAMP)

Subprojeto III. Mercado de Ações
Coordenador: Jennifer Hermann (IE/UFRJ).
Pesquisadores Seniores: Paula Marina Sarno (UFRJ).
Pesquisadores Juniores: Maria Isabel Busato (Doutoranda - IE/UFRJ); Mauro Santos
Silva (Doutorando - IE/UFRJ).
Estagiários: Norberto Martins; Anna Carolina dos Reis.

Subprojeto IV. Mercado de Títulos
Coordenador: Luiz Fernando de Paula (UERJ)
Pesquisadores Seniores: Fernando Ferrari Filho, Rogério Sobreira
Pesquisadores Juniores: João Adelino de Faria, Paulo José Saraiva e Aline Gomes


Relatórios de pesquisa:

Relatório Síntese

Subprojeto I Padrões de financiamento das empresas não-financeiras no Brasil

Subprojeto II. Mercado de crédito bancário

Subprojeto III. Mercado de Ações

Subprojeto IV. Mercado de Títulos

2006–2009: O Brasil e a periferia na era da globalização: inconversibilidade monetária, atraso produtivo, regimes de políticas econômicas e desenvolvimento

Financiador: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (projeto temático)

Situação: concluído em outubro de 2009. Para resultados ver publicações individuais.

Descrição: Este projeto pretende investigar as implicações do contexto econômico contemporâneo para a definição de políticas macroeconômicas e de desenvolvimento, particularmente sob as condições vigentes na economia brasileira, que serão objeto de comparação com aquelas de outros países periféricos, latino-americanos e asiáticos. Motiva esse esforço a constatação de que, no cenário pós-Bretton Woods - marcado pelo predomínio dos regimes de câmbio flexível nas principais economias, pela desregulamentação financeira e pela mobilidade do capital - aprofundam-se assimetrias importantes entre os próprios países periféricos. Crescimento baixo e instável caracteriza, de forma praticamente geral, a performance latino-americana e brasileira, enquanto que, na chamada Ásia dinâmica, o crescimento é suficientemente acelerado para promover a tão almejada convergência rumo a níveis de renda per capita característicos dos países centrais; os quatro primeiros NICs asiáticos incorporam-se ao mundo desenvolvido (onde, de resto, persiste a assimetria entre o vigor da economia norte-americana e a morosidade européia e japonesa) e a China agiganta-se, contribuindo para determinar, na região, um ritmo de crescimento muito superior ao observado no resto da periferia. O projeto parte das hipóteses de que (a) As economias periféricas têm como características históricas centrais o atraso produtivo (aferido por centralização do capital e escalas relativamente baixas, bem como pela inCapacidade de geração de progresso técnico) e a inconversibilidade monetária (entendida como a ausência de curso internacional das moedas por elas emitidas). (b) Cabe às políticas macroeconômicas e de desenvolvimento um papel fundamental para contornar as restrições derivadas da inconversibilidade monetária e promover a constituição de um parque produtivo que permita uma inserção externa robusta e dê suporte a um processo sustentado de crescimento.

Participantes: Antonio Carlos Macedo e Silva; Daniela Magalhães Prates; Émerson Fernandes Marçal; Francisco Luiz Cazeiro Lopreato; Maryse Farhi; Ricardo de Medeiros Carneiro (coordenador).

2006–2007: O Brasil na era da globalização: condicionantes domésticos e internacionais ao desenvolvimento

Financiador: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social

Situação: concluído

Descrição: O desempenho da economia brasileira após 1994, período coincidente com a sua crescente integração à economia globalizada, é marcado por duas características inequívocas: a estabilidade inflacionária e o baixo dinamismo do crescimento. Este último aspecto, que constitui o objeto central desse projeto de pesquisa, ganha contornos dramáticos quando posto numa perspectiva comparativa, seja histórica, vale dizer, quando confrontada à performance observada nos anos do nacional-desenvolvimentismo, entre 1930 e 1980, seja geográfica, atinente ao desempenho de outros países, em particular, os da Ásia em desenvolvimento. A hipótese geral adotada pelo projeto de pesquisa para explicar o baixo dinamismo da economia brasileira durante o período, destaca a interação de três fatores : os condicionantes internacionais e as políticas de integração à economia globalizada, a estabilidade inflacionária e as políticas macroeconômicas para a sua obtenção e, o novo formato das políticas de desenvolvimento centradas na modificação das relações Estado-mercado.

O projeto foi dividido em nove subprojetos:
I. O Brasil e a nova divisão internacional do trabalho;
II. Abertura, financiamento externo e sistema financeiro doméstico;
III. Integração cambial e monetária, dinâmica do balanço de pagamentos e trajetória da taxa de câmbio;
IV. Efetividade e dilemas do regime de metas de inflação;
V. Integração das Políticas Monetária, Cambial e Fiscal;
VI. Determinantes do Investimento;
VII. Estrutura produtiva, emprego e produtividade;
VIII. Crédito Bancário no Brasil: evolução e transformações institucionais;
IX. Crédito direcionado e desenvolvimento econômico no Brasil: o papel dos fundos públicos.

Participantes: André Martins Biancareli; Antonio Carlos Macedo e Silva; Cláudio Roberto Amitrano; Daniela Magalhães Prates; Émerson Fernandes Marçal; Francisco Luiz Cazeiro Lopreato; Marcos Antonio Macedo Cintra; Maria Cristina Penido de Freitas; Maryse Farhi; Ricardo de Medeiros Carneiro (coordenador).

Relatórios de pesquisa:

Sub-projeto I. O Brasil e a nova divisão internacional do trabalho

Relatório 1: Transformações estruturais na economia global

Relatório 2: Especialização produtiva e comercial

Autor: Antonio Carlos Macedo e Silva

Sub-projeto II. Abertura, financiamento externo e sistema financeiro doméstico

Relatório 1: Globalização financeira, integração e ciclos de liquidez

Relatório 2: O sistema financeiro doméstico e os ciclos internacionais de liquidez

Autor: André Martins Biancareli

Sub-projeto III. Integração cambial e monetária, dinâmica do balanço de pagamentos e trajetória da taxa de câmbio

Relatório 1: Os determinantes das taxas de câmbio nominal e real no Brasil após a adoção do regime de câmbio flutuante

Relatório 2: Os dilemas da gestão do regime de câmbio flutuante no Brasil

Autora: Daniela Magalhães Prates

Sub-projeto IV. Efetividade e dilemas do regime de metas de inflação

Relatório 1: Os formatos do regime e os impactos dos choques exógenos

Relatório 2: Metas de inflação no Brasil: canais de transmissão e gestão da política monetária

Autora: Maryse Farhi

Subprojeto V. Integração das Políticas Monetária, Cambial e Fiscal

Relatório 1: A política fiscal brasileira: limites e entraves ao crescimento

Relatório 2: Gestão da dívida pública: é preciso avançar

Autor: Francisco Luiz C. Lopreato

Subprojeto VI. Determinantes do Investimento

Relatório 1: Trajetória do investimento: evolução das estruturas e modificação da propriedade.

Relatório 2: Internacionalização produtiva, estratégias empresariais e investimento

Autor: Ricardo de Medeiros Carneiro

Subprojeto VII. Estrutura produtiva, emprego e produtividade

Relatório 1: Produção e investimento na indústria brasileira no período recente

Autor: Claudio Roberto Amitrano

Relatório 2: Condicionantes da Evolução da Competitividade

Autor: Emerson Fernandes Marçal

Subprojeto VIII. Crédito Bancário no Brasil: evolução e transformações institucionais

Relatório 1: Transformações institucionais do Sistema Bancário Brasileiro

Relatório 2: Evolução e Determinantes do Crédito Bancário no período 2001-2006

Autora: Mª Cristina Penido de Freitas

Subprojeto IX. Crédito direcionado e desenvolvimento econômico no Brasil: o papel dos fundos públicos

Relatório 1: Caracterização dos fundos, delimitação conceitual, experiências internacionais e enfoques teóricos

Relatório 2: Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS)

Relatório 3: Fundos Constitucionais de Financiamento (do Norte, do Nordeste e do Centro-Oeste)

Autor: Marcos Antonio Macedo Cintra

2004–2005: Análise da Economia Internacional da Conjuntura Macroeconômica Nacional e Cenários de Curto Prazo da Economia Brasileira

Financiador: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social

Situação: concluído. Para resultados ver Política Econômica em Foco.

Descrição: No contexto atual, segundo ano do governo Lula, a discussão das condições para a retomada de um crescimento sustentável da economia brasileira é central e tem absorvido a atenção de vários agentes e setores da sociedade. O objetivo do projeto é subsidiar a ação do BNDES no sentido de contribuir para a emergência dessas condições, mediante a elaboração de informes trimestrais de conjuntura econômica Esses informes abrangerão duas grandes áreas economia internacional e conjuntura macroeconômica nacional as quais, por sua vez, serão divididas em sub-seções. Ademais, contemplarão cenários de curto prazo, nos quais serão elaboradas projeções para o semestre seguinte da evolução das principais variáveis macroeconômicas internacionais e nacionais.

Participantes: André Martins Biancareli; Antonio Carlos Macedo e Silva; Cláudio Roberto Amitrano; Daniela Magalhães Prates; Émerson Fernandes Marçal; Francisco Luiz Cazeiro Lopreato; Maryse Farhi; Ricardo de Medeiros Carneiro (coordenador).

2003–2006: Boletim Política Econômica em Foco

Situação: concluído

Descrição: o Boletim Política Econômica em Foco, produzido semestralmente entre 2003 e 2006 pelo Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica (CECON) do Instituto de Economia da UNICAMP cumpriu, com êxito, sua missão de analisar com foco temático e analítico os rumos da economia brasileira e o contexto internacional que a cercava no período.

Cada um dos seus seis primeiros números foi dividido em cinco áreas distintas: Economia Internacional; Balanço de Pagamentos; Moeda e Finanças Privadas; Finanças Públicas; e Produção Emprego e Renda, todas precedidas de uma introdução geral focada nas grandes questões da política econômica. Além dessas sessões fixas, foram produzidos vários suplementos, que abordavam alguns temas específicos com maior grau de detalhe. A sétima edição do boletim, lançada em abril de 2006, pretendeu fazer um balanço mais amplo de quase todo o primeiro mandato do governo Lula, e por isso se desdobrou em sessões e temáticas adicionais. No mesmo ano, essa última edição foi publicada em livro: Carneiro (org, 2006). A supremacia dos mercados e a política econômica do governo Lula. São Paulo, Ed. Unesp.

Participantes: participaram da equipe responsável pela produção do boletim, que se alterou ao longo do tempo, os seguintes pesquisadores, todos docentes do IE-Unicamp (em ordem alfabética): Adriana Nunes Ferreira; André Martins Biancareli; Antonio Carlos Macedo e Silva; Cláudio Roberto Amitrano; Daniela Magalhães Prates; Edgard Antonio Pereira; Émerson Fernandes Marçal; Francisco Luiz Cazeiro Lopreato; Geraldo Biasoto Junior; Luiz Gonzaga Belluzzo; Maryse Farhi; e Ricardo de Medeiros Carneiro (coordenador). Para a sétima edição outros docentes do Instituto foram convidados a produzir análises sobre temas não cobertos anteriormente: Cláudio Schulller Maciel, Fernando Sarti; Marcos Antonio Macedo Cintra e Mariano Francisco Laplane.

Boletim 7 – Novembro/2005-Abril/2006:

Apresentação

Capa

Introdução
A supremacia dos mercados e a política econômica do governo Lula
Autor: Ricardo Carneiro

Seção I
As transformações da economia capitalista no pós-guerra e a origem dos desequilíbrios globais
Autor: Luiz Gonzaga Belluzzo

Seção II
A montanha em movimento: uma notícia sobre as transformações recentes da economia global
Autor: Antonio Carlos Macedo e Silva

Seção III
Países emergentes e ciclos internacionais
Autor: André Martins Biancareli

Seção IV
A inserção externa da economia brasileira no governo Lula
Autora: Daniela Magalhães Prates

Seção V
O impacto dos ciclos de liquidez no Brasil: Mercados financeiros, taxa de câmbio, preços e política monetária
Autora: Maryse Farhi

Seção VI
Política Fiscal: mudanças e perspectivas
Autor: Francisco Luiz C. Lopreato

Seção VII
O modelo de crescimento da economia brasileira no período recente: condicionantes, características e limites
Autor: Claudio Roberto Amitrano

Seção VIII
Política de regulação de setores infra-estruturais no governo Lula (2003-2005)
Autor: Claudio Maciel

Seção IX
Prometeu acorrentado: o Brasil na indústria mundial no início do século XXI
Autor: Mariano Laplane e Fernando Sarti

Seção X
A reestruturação patrimonial do sistema bancário brasileiro e os ciclos entre 1995 e 2005
Autor: Marcos Antonio Macedo Cintra

Boletim 6 – Maio-Outubro/2005:

Capa

Introdução
Os riscos crescentes
Autor: Ricardo Carneiro

Seção I – Economia Internacional
Mais do mesmo em 2005: o zen e a reflexão econômica
Autor: Antonio Carlos Macedo e Silva

O ciclo favorável e os países emergentes: sobrevida, desaceleração e sub-aproveitamento
Autor: André Martins Biancareli

Seção IIBalanço de pagamentos
A fragilidade encoberta
Autora: Daniela Magalhães Prates

Seção IIIMoeda e finanças privadas
Repercusões da política monetária
Autora: Maryse Farhi

Seção IVFinanças públicas
Política fiscal um pouco mais do mesmo
Autor: Francisco Luiz C. Lopreato

Seção VProdução, emprego e renda
A economia brasileira no fio da navalha
Claudio Roberto Amitrano

Suplementos do Boletim quadrimestral do Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica - n. 6

Suplemento 1: A nova dimensão da vulnerabilidade externa
Maryse Farhi e Daniela Prates

Boletim 5 – Novembro/2004 -Abril/2005:

Capa

Introdução
As fragilidades do crescimento

Autor: Ricardo Carneiro

Seção IEconomia internacional
Fuga para a frente, rumo à fronteira final?
Autor: Antonio Carlos Macedo e Silva

Fim de festa? Os países emergentes e a economia global
Autor: André Martins Biancareli

Seção II - Balanço de pagamentos
A sustentabilidade da melhoria nas contas externas
Autora: Daniela Magalhães Prates

Seção IIIMoeda e finanças privadas
A ineficácia da política monetária
Autor: Maryse Farhi

Seção IVFinanças públicas
Finanças públicas: a marcha continua
Autor: Francisco Luiz C. Lopreato

Seção VProdução, emprego e renda
Desaceleração à vista e o fantasma do stop and go
Autor: Cláudio Roberto Amitrano

Suplementos do Boletim quadrimestral do Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica - n. 5

Suplemento 1: O pacto conservador
Ricardo Carneiro

Suplemento 2: Rumos da política fiscal
Francisco Luiz C. Lopreato

Suplemento 3: Crescimento do PIB e Investimento: Mudanças nos rumos ou janela de oportunidades?
Cláudio Roberto Amitrano

Suplemento 4: O desempenho recente das exportações: Fatores reais versus financeiros
Daniela Magalhães Prates

Suplemento 5: Ativos brasileiros e liquidez internacional
Maryse Farhi

Suplemento 6: Para onde vai a China?
André Martins Biancareli

Boletim 4 – Maio-Outubro/2004:

Capa

Introdução
A insustentável leveza do crescimento
Autores: Luiz Gonzaga Belluzzo e Ricardo Carneiro

Seção IEconomia internacional
Norte-americanos, chineses e a alegria do mundo
Autor: Antonio Carlos Macedo e Silva

A festa dos emergentes
Autor: André Martins Biancareli

Seção IIBalanço de pagamentos
A assimetria das contas externas
Autora: Daniela Magalhães Prates

Seção IIIMoeda e finanças privadas
Metas de inflação e o medo de crescer
Autora: Maryse Farhi

Seção IVFinanças públicas
O crescimento como condição da sustentabilidade fiscal
Autor: Geraldo Biasoto Junior

Seção VProdução, emprego e renda
Crescimento sustentado e o sinal trocado da política econômica
Autor: Claudio Roberto Amitrano

Suplementos do Boletim quadrimestral do Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica - n. 4

Suplemento 1: Desequilíbrios globais: Correção ou "fuga pra frente"?
Luiz Gonzaga Belluzzo

Suplemento 2: Economias emergentes: no balanço das ondas
André Martins Biancareli

Suplemento 3: As Finanças públicas em questão
Francisco Luiz C. Lopreato

Suplemento 4: Os vínculos entre a taxa de juros, o risco país e a taxa de câmbio do real
Maryse Farhi

Suplemento 5: Renovar ou não o acordo com o FMI: ousadia versus prudência
Daniela Magalhães Prates

Suplemento 6: O dilema da política de desenvolvimento
Claudio Roberto Amitrano

Suplemento 7: O debate sobre o arranjo fiscal brasileiro – um pouco de aritmética Keynesiana
Antonio Carlos Macedo e Silva

Boletim 3 – Janeiro-Abril/2004:

Capa

Introdução
Bloqueios ao crescimento
Autor: Luiz Gonzaga Belluzzo e Ricardo Carneiro

Seção IEconomia internacional
A Caravana e a Bolha (Um Espetáculo Pós-Moderno)
Autor: Antonio Carlos Macedo e Silva

Seção IIMoeda e finanças privadas
As Economias Emergentes e os Ciclos de Liquidez
Autora: Maryse Farhi

Seção IIIBalanço de pagamentos
O Ciclo Recente de Preços das Commodities
Autora: Daniela Magalhães Prates

Seção IVProdução, emprego e renda
Recuperação e Crescimento
Autor: Edgard Antonio Pereira

O consumo das famílias e a retomada do crescimento
Autora: Adriana Nunes Ferreira

Seção VFinanças públicas
O Estado Acorrentado e Obstáculos à Retomada1
Autor: Geraldo Biasoto Junior

Suplementos do Boletim quadrimestral do Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica - n. 3

Suplemento 1: 2004 ainda não acabou
Edgard Antonio Pereira

Suplemento 2: O novo endividamento externo: a velha socialização das perdas
Daniela Prates e Ricardo Carneiro

Suplemento 3: No fogo cruzado dos indicadores econômicos
Antonio Carlos Macedo e Silva

Suplemento 4: Crescimento sustentando ou vôo da galinha?
Claudio Roberto Amitrano

Suplemento 5: Superávit primário: a terceira pata do tripé contracionista
Geraldo Biasoto Junior

Boletim 2 - Setembro-Dezembro/2003:

Capa

Introdução
O paradoxo da credibilidade
Autor: Luiz Gonzaga Belluzzo e Ricardo Carneiro

Seção IEconomia internacional
Economia global: O espetáculo do crescimento?
Autor: Antonio Carlos Macedo e Silva

Seção IIBalanço de pagamentos
A insustentabilidade do ajuste externo
Autora: Daniela Magalhães Prates

Seção IIIMoeda e finanças privadas
Crédito, mercados de capitais e perspectivas de crescimento
Autora: Maryse Farhi

Seção IVFinanças públicas
As dúvidas da sustentabilidade1
Autor: Geraldo Biasoto Junior

Seção VProdução, emprego e renda
Estagnação e limites do crescimento
Autor: Edgard Antonio Pereira

Suplementos do Boletim quadrimestral do Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica - n. 2

Suplemento 1: Metas de inflação e erros de gestão
Maryse Farhi

Suplemento 2: Que recuperação é essa?
Edgard Antonio Pereira

Suplemento 3: Superávit comercial, estagnação interna e crescimento mundial
Daniela Magalhães Prates

Suplemento 4: Comceitos insólitos, desestruturação do padrão de financimento e o engodo do superávit anti-cíclico
Geraldo Biasoto Junior

Suplemento 5: O mundo é um lugar perigoso
Antonio Carlos Macedo e Silva

Boletim 1 - Maio-Agosto/2003:

Capa

Apresentação e Sumário Executivo
Autor: Ricardo de Medeiros Carneiro

Seção IEconomia internacional
A Economia Global no Fio da Navalha
Autor: Antonio Carlos Macedo e Silva

Seção IIBalanço de pagamentos
A Permanência da Vulnerabilidade Externa
Autora: Daniela Magalhães Prates

Seção III - Moeda e finanças privadas
As Repercussões da Volatilidade Financeira
Autora: Maryse Farhi

Seção IVFinanças públicas
Limites e Sustentabilidade da Política Fiscal
Autor: Geraldo Biasoto Junior

Seção VProdução, emprego e renda
O Ajuste Recessivo
Autores: Edgard Antonio Pereira e Adriana Nunes Ferreira

Suplementos do Boletim quadrimestral do Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica - N.1

Suplemento 1: O mito da conversabilidade ou moedas não são bananas
Luiz Gonzaga Belluzzo Ricardo Carneiro

Suplemento 2: Novo acordo e velhas questões fiscais
Geraldo Biasoto Junior

Suplemento 3: Uma recuperação precária
Edgard Antonio Pereira

Suplemento 4: Determinantes do saldo comercial

Suplemento 5: A (longa) fuga para a frente